Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarGoogle+ rss

Honda CG 150 Titan ganha freios combinados CBS

| Notícias | 10 de dezembro de 2014

Desde que lançou a linha CG, em 1976, a Honda jamais teve medo de embutir tecnologias ainda não assimiladas em modelos populares. Foi assim com o freio dianteiro a disco, a injeção eletrônica e, posteriormente, o sistema de alimentação bicombustível. Para a linha 2015, a marca japonesa trouxe outra inovação, os freios CBS (combinados), que estarão presentes nas duas versões da CG 150 Titan, ESD e EX.

Com a inclusão do aparato (chamado pela própria Honda de “CombiBrake”), a marca promete ajudar especialmente usuários sem muita experiência de pilotagem. Ele consiste no acionamento automático parcial do disco dianteiro quando só o traseiro é solicitado, prática ainda muito comum entre motociclistas brasileiros, especialmente os recém-saídos da moto-escola.

O sistema funciona em dois estágios: se o pedal traseiro é pressionado de leve, continua freando apenas atrás. Porém, quando acionado com mais vigor, ativa um segundo cilindro-mestre que distribui a força da frenagem entre o tambor traseiro e um terceiro pistão, colocado entre os outros dois na pinça dianteira. Segundo a fabricante, o reforço do CBS reduz em até 20% o espaço de frenagem da Titan.

Com a atualização, as motos encareceram. Os preços sugeridos para o modelo topo da linha CG ficaram em R$ 7.680 (versão ESD) e R$ 8.180 (EX), sem despesas de frete e seguro. A linha chega à concessionárias até o fim deste mês, nas cores preta (ESD), vermelha com a tampa lateral branca (ambas as versões) e tricolor (EX).

Divulgação

Quando o pedal traseiro é acionado com força, um cilindro-mestre distribui a força da frenagem entre o tambor traseiro e um terceiro pistão colocado na pinça dianteira; ligação é feita por cabo flexível que desce à roda junto com o fio do manete direito; distribuição é de 66% na roda traseira e 34% na dianteira

EVOLUÇÃO NECESSÁRIA
A implantação do freio CBS na CG Titan irá obrigar ao motociclista brasileiro a rever sua forma de pilotar. Segundo dados divulgados pela Abraciclo (associação brasileira das fabricantes do setor), 44% das motos que passam por revisão em território nacional apresentam desgaste excessivo no freio traseiro, porque os motociclistas usam muito mais os pedais deste do que o manete do disco dianteiro. “É um uso equivocado”, alerta Alfredo Guedes Junior, engenheiro da Honda.

O engenheiro põe esse vício na conta das moto-escolas. “Durante o processo de habilitação, o usuário é orientado a só usar o freio traseiro, quando o correto seria acionar ambos em proporções semelhantes”, completa.

NA PISTA
Em teste realizado com a versão ESD num circuito fechado do Centro de Treinamento da Honda, em Indaiatuba (SP), a street continuou a se mostrar leve (consequência da reformulação de chassi, feita em 2013), mesmo com os dois quilos acrescentados pelos freios combinados. Na prática, os estágios do freio traseiro não são lá muito perceptíveis para um iniciante, mas a atuação do CBS, sim: quando se aciona o pedal até o fim, a moto apresenta uma redução radical de velocidade, muito maior do que se fosse um sistema de freios convencional.

O mecanismo também melhora a confiança do novato em relação à estabilidade, uma vez que a moto fica muito mais sob controle durante todo o período da frenagem. Isso é bastante útil em situações de emergência.

Divulgação

Diferença mais aparente do freio com CBS para um convencional está na presença de cabo e pistão extras na pinça no freio dianteiro

Outro ponto favorável é o tempo para pensar. Quando se tem pouca experiência, tarefas simples como acionar o pedal do freio traseiro, apertar a embreagem e, por fim, o manete do freio dianteiro não são feitas de forma tão natural. Ao sentir que a pinça já está atuando na roda da frente, fica fácil praticar as outras duas ações com maior rapidez.

Por isso, a tendência é que a Honda CG Titan com freios combinados agrade bastante os motociclistas recém-habilitados. A tecnologia deve ser implantada em outros modelos da família em breve, e é necessária. Afinal, quase metade das mortes no trânsito brasileiro envolvem motociclistas.
Fonte UOL

 

Lançamento Dafra Riva 150cc nova concorrente da honda e yamaha

| Notícias | 24 de fevereiro de 2012

A DAFRA lança mais uma opção na categoria street: a Riva 150, segundo modelo da parceria com a Haojue, um dos maiores fabricantes mundiais de motocicletas.

Completa de fábrica, com rodas de liga leve aro 18”, freio dianteiro a disco, partida elétrica e a pedal, e apresentando pacote de peças de reposição mais econômico do segmento, tem como características um visual moderno, com linhas marcantes e robustas, e muito conforto, sendo ideal para o uso, design do conjunto óptico frontal é atual e discreto, com farol em formato pontiagudo e painel de instrumentos integrado à carenagem, sendo um dos mais completos da categoria. Possui conta-giros analógico central, indicador de marchas, faróis e luzes de direção, assim como display digital com hodômetro parcial e total, indicador do nível de combustível e reserva, luzes indicadoras de trocas do óleo programáveis e nível de carga da bateria.

Destaque, ainda, para o tanque e a lanterna traseira, que ressaltam a beleza e modernidade do modelo.
Para proporcionar conforto especialmente ao passageiro, os suportes dos estribos traseiros em alumínio foram dispostos diretamente no chassi – e não no garfo como em alguns modelos do mercado – o que evita que o garupa absorva os impactos das irregularidades do solo. Já o escapamento tem acabamento na cor preta e protetor cromado para evitar a exposição do usuário a altas temperaturas.

O modelo possui, ainda, trava de capacete, pedaleiras do piloto e passageiro retráteis e ainda sensor de acionamento da embreagem interligado ao sistema de partida, o que evita a partida do motor com a moto engrenada, e chassi de fabricação nacional, que tem como atributo principal a resistência a torções, mantendo boa ciclística com agilidade e estabilidade em manobras urbanas.
A Riva 150 conta com motor de 149,4 cm3, OHC (Over Head Camshaft), monocilíndrico, quatro tempos e arrefecido a ar. Resistente e durável, apresenta potência de 12,1 cv a 8.250 rpm e torque máximo de 10,9 N.m a 6.600 rpm. Este conjunto propulsor agregado ao sistema de transmissão de cinco velocidades oferece acionamento preciso e macio, resultando em acelerações progressivas e lineares.
Para se chegar a um altíssimo nível de qualidade do produto, a engenharia da DAFRA trabalhou em conjunto com a Haojue e testou a Riva 150 em diferentes locais no Brasil por mais de 200 mil quilômetros e em mais de mil horas em dinamômetro de chassi no Laboratório de Testes e Emissões na fábrica de Manaus (AM). Os estudos contam com diferentes testes como validação de componentes elétricos, testes de durabilidade de componentes específicos, de feeling em diferentes altitudes, de funcionamento e de condicionamento do motor, entre outros.
A Riva 150 já está a venda na rede de concessionárias DAFRA nas cores pérola, vermelha e preta.

Nova CG 150 2012

| Notícias | 29 de julho de 2011

Em breve será lançada a CG 150 2012 com preço sugerido da versão EX é de R$ 7.490 e para a versão ESD o preço sugerido é de R$ 6.990. A Honda CG 150 Titan 2012 vai estar disponível nas cores vermelha metálica, dourada e prata.

Enquanto aguardamos o lançamento compare com os  preços da CG este ano de 2011

CG 150 Flex 2011 possui as seguintes versões a KS, ES, e EX.

CG 150 Titan Mix KS R$ 6.326

CG 150 Titan Mix ES R$ 6.780

CG 150 Titan Mix EX R$ 7.265

CG 150 Fan 2011 R$ 6.200

Voltadas para os motoqueiros brasileiros, com um novo motor de injeção eletronica, tanque combustível com maior capacidade 16.1 litros, modificações nos antigos para lamas e rabetas. A Nova CG 150 2012 promete vim com grandes melhorias.

Nova CG 150 Fan bi-combustível

| Notícias | 10 de dezembro de 2010

Foi anunciado pela Honda dia 03/11/2010 o lançamento da versão flex da moto CG 150 Fan. O modelo bicombustível vem com a tecnologia Mix Fuel Injection, sistema de injeção eletrônica de combustível PGM-FI e partida elétrica.
Como era de se esperar ela vem nas cores preto, prata metáligo e vermelho.
O preço sugerido para as concessionárias é de R$ 6.290 para a versão ESi e R$ 6.590 para a ESDi.
De acordo com a fabricante, a ESi vem com partida elétrica e injeção eletrônica. Já a ESDi, com o diferencial do freio dianteiro a disco.
A CG 150 Fan tem motor OHC (Over Head Camshaft), monocilíndrico, quatro tempos, de 149,2 cm³ de cilindrada, arrefecido a ar, com comando de válvulas no cabeçote e balancins roletados. Oferece torque máximo de 1,32 kgfm a 7.000 rpm e potência de 14,2 cv a 8.500 rpm. O modelo traz ainda transmissão de cinco velocidades e embreagem multidisco em banho de óleo.

Nova titan honda Mix EX 2010

| Notícias | 9 de dezembro de 2010

A Nova Honda Titan Mix EX 2010 é muito mais econônica que você imagina!

A Versão EX do modelo vem com rodas de alumínio e inovações de design Inspirados na CB300 que agregam diferenciação e esportividade. Com o objetivo de fortalecer ainda mais a família CG, líder absoluta em vendas no mercado nacional de duas rodas, e oferecer a seus usuários uma opção mais completa, que proporcione prazer e status, a Honda apresenta ao consumidor brasileiro a nova CG 150 Titan Mix EX. A sigla “EX” deriva da palavra “exclusividade”, característica inerente ao modelo e que o diferencia dos demais integrantes da linha. Isto porque agrega esportividade dentro da categoria Utility, disponibilizando aos usuários uma motocicleta ainda mais sofisticada. A CG 150 Titan Mix EX substitui a versão ESD do modelo, que não será mais comercializada. Ela é ideal para uso urbano, para locomoção no dia a dia e lazer nos finais de semana.
Veja algumas fotos desta linda moto!

Bem vindo ao Portal

| Notícias | 8 de dezembro de 2010

Bem Vindo ao Portal da CG Titan 150.

A moto CG 150 é líder no mercado há mais de 30 anos, comprovando sua preferência nacional pelos motoqueiros, motoboys e até mesmo para quem busca diversão nos finais de semana.
A Honda CG Titan 150 é uma motocicleta economica e com uma ótima durabilidade. A moto tem um excelente desempenho urbano.
Navegue pelo site e saiba tudo sobre a CG Titan, conheça as diferenças nos modelos, veja dicas, fotos, equipamentos e peças para a sua Honda CG 150 Titan e muito mais.

A nova CG 150 Titan Mix é a 1ª moto flex é o lançamento mundial da Honda sendo a primeira motocicleta bicombustível, ela roda com gasolina ou álcool, com preço a partir de R$ 6.340, disponíveis em 3 modelos.Somente no frio (abaixo de 15 graus) é que a moto necessita de uma mistura de 20% de gasolina no álcool para facilitar a partida), já que não possui reservatório separado para a injeção como em automóveis flex. Mas o bom é que pelo menos a moto possui em seu painel um indicador “Mix” que indica quando a mistura mínima é necessária.

Conheça a nova CG 150 EX Mix Fuel 2010 uma linda moto! você vai se apaixonar!!

Página 1 de 212